5 dicas de como cuidar da sua saúde mental durante o pico da pandemia no Brasil

saude mental fiction

Em tempos de quarentena e coronavírus a necessidade de estabelecer uma rotina para sua saúde se tornou indispensável. Ainda mais quando falamos em saúde mental, já que todos nós estamos passivos a ter comprometimentos mentais, da mesma maneira que podemos adotar medidas e comportamentos preventivos para nos manter saudáveis, tanto no aspecto físico como mental e emocional.

Segundo a organização Mundial da Saúde ter boa saúde mental é “contar com um estado de bem-estar que permite a você usar suas próprias habilidades, recuperar-se do estresse, ser produtivo e contribuir com a comunidade”. Os efeitos negativos gerados por sentimentos bastante comuns na rotina da maioria das pessoas podem impactar diretamente esse conceito de saúde mental. Entre eles, podemos citar excesso de trabalho, ansiedade e até estados de melancolia frequentes. 

Já passamos por outras pandemias no decorrer da história da humanidade, porém antes não estávamos tão conectados e expostos a uma quantidade massiva de informações. Para te ajudar trouxemos aqui cinco dicas de como cuidar da sua saúde mental durante a quarentena. Confira:

Se informe de maneira correta

Somente o excesso de informações já pode gerar mais ansiedade, medo e melancolia. Por isso cuidado com os excessos. Não tem problemas se informar diariamente, porém saiba gerenciar o tempo que você dá para consumir informações sobre a pandêmia.

Escolha por veículos de comunicação que possuem jornalistas por trás da produção do conteúdo, não confie em informações recebidas em grupos de whatsapp e facebook de veículos suspeitos. Caso não tenha o costume, passe a apurar as informações que recebe checando a fonte e se a notícia está disponível em outros veículos de credibilidade. Desta forma você se atualizará de forma correta e poderá evitar a sobrecarga de informações.

Cuide do corpo e da imunidade

Se antes da quarentena você tinha uma rotina de exercícios físicos na academia, continue com essa rotina em casa. Na internet estão disponíveis vários profissionais e professores do ramo disponibilizando vídeo aulas e consultorias pagas e gratuitas. Cuidando da sua saúde física seu corpo produz endorfina de forma regular, o que colabora com a regulação do humor, prevenção de doenças e bem-estar. Profissionais da saúde também recomendam banho de sol de 10 minutos por dia para ativar a vitamina D, que é um agente essencial para o fortalecimento da imunidade. 

Durma bem

Descansar é fundamental para o bom funcionamento do organismo inteiro, em especial, do cérebro. Situações que levam à privação do sono ou a má qualidade desse sono podem favorecer os transtornos mentais. Então, pelo menos 30 minutos antes de dormir, evite usar celular, computador ou ver televisão. Além disso, cuide para que o ambiente fique bem escuro e silencioso.

Tenha objetivos e projetos 

Dizem que os sonhos alimentam nossa alma, nos faz ter vontade de viver e predisposição para a felicidade. Se você faz home-office aprenda a distinguir o seu tempo de trabalho do tempo dedicado a seus projetos e para o seu lazer. Pense no que você quer conquistar, anote suas metas, estabeleça prazos. Ocupe-se com os seus sonhos e corra atrás deles.

Dê a devida atenção a sua mente

Você pode fazer isso começando com medidas simples, como ser grato, reconhecendo suas competências, evite pensar em problemas o tempo todo, aprenda a dizer não, fale dos seus sentimentos com alguém próximo e de confiança, seja gentil consigo mesmo, aceite as mudanças, aprenda a interpretar as críticas, fique atento aos seus pensamentos e, principalmente, entenda que ninguém é feliz o tempo todo.

Se você percebe indícios de que a sua saúde mental esta legal, não tenha medo e peça ajuda a profissionais da saúde, os responsáveis por tratar de transtornos mentais são psicólogos e as vezes psiquiatras. Você pode encontrar na internet muitos profissionais que fazem atendimento remoto gratuito ou pago. Nunca se esqueça que passar por fases nebulosas que afetam o nosso psicológico não é motivo de vergonha e sim prova que você esta se conhecendo e desenvolvendo amor próprio.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *